sexta-feira, 1 de julho de 2011

pensamentos e palavras.


Jamais se esforce para esquecer o que é inesquecível. Sofrer faz parte do amor.

são pensamentos soltos, traduzidos em palavras pra que você possa entender, o que eu também não entendo.

amar não é ter que ter sempre certeza, é aceitar que NINGUÉM é perfeito pra NINGUÉM, é poder ser você mesmo e não precisa fugir é tentar esquecer e não conseguir dormir, fugir...agora o que vamos fazer? eu também não sei...afinal, será que amar é mesmo tudo? se isso não é amor, o que mais pode ser? to aprendendo também!

-essa não foi uma carta de amor.

2 comentários:

Paulo Santana disse...



Pedro Lopes de Morais disse...

A vida é não somente a busca eterna por um amor indeterminado, mas um adeus continuado do dia que se vai enquanto um outro vem pra te lembrar que este maldito ciclo nunca acaba. Não é o amor que procuramos e, sim, o silêncio confortável de um adeus sem solidão. Beijos Juh!