domingo, 29 de maio de 2011

rolou o pensamento na madruga


Hoje eu assisti um filme, aquele “Bruna Surfistinha”, deixo claro que não baixei, não comprei e nem aluguei, estava aqui por acaso. Voltando ao que interessa, o desfecho do filme é: ela aprendeu a ser uma pessoa madura depois que conheceu as drogas e a prostituição, ela aprendeu a se gostar depois de entrar nas drogas e na prostituição, ela aprendeu a amar a família depois que se viu perdida nas drogas e na prostituição e sabe o que ela fez? CONTINUOU, porque precisava do dinheiro de 800 programas pra poder começar a ter uma vida ESTAVEL! Eu não a critico pelos erros porque todos que se dizem seres humanos estão sujeitos a erros, mas é de extrema importância dizer e relatar que no mundo das drogas, da criminalidade, das coisas ruins não se entra somente pelo que se chama de FALTA DE OPORTUNIDADE, se entra também porque QUER, porque acha que assim será alguém na vida porque acha que pode ganhar dinheiro mais fácil e mais rápido pra depois mostrar pra todo mundo que EU VENCI NA VIDA...ok, vá lá, você pode até ser RICA hoje, mas se o seu dinheiro não for conseguido com esforço de que valeu a pena?

A vida é feita de escolhas e de desafios, de obstáculos e de superações...se a gente deixa a peteca cair na primeira oportunidade isso só nos mostra o quanto somos fracos. A fraqueza não é vergonha, já diz Gabriel O Pensador: nem sempre a fraqueza que se sente quer dizer que a gente não é forte. Cada momento que se passa, passa sozinho e cada pessoa que se passa, passa uma vez na nossa vida. Eu hoje posso dizer que eu quero sim ser uma mulher bem sucedida, não quero depender dos meus pais, do meu marido (se um dia eu casar), da minha irmã....quero depender-lhes somente AFETIVAMENTE, MORALMENTE, mas nunca INCONDICIONALMENTE, porém quero ser INDEPENDENTE sem passar por cima de ninguém, sem desonrar meu pai e minha mãe e nem aqueles que me amam de verdade. Por isso não se baseie em CINEMAS que fazem mesmo que sem querer APOLOGIAS, se baseie em você, cresça a partir de você e viva a sua vida e não a dos outros.

Dado recado? :)

2 comentários:

Paulo Santana disse...

muito bom o post. Quase vejo um José Wilker falando. Muito boa critica.

Mas postar de madrugada?
rsrs

Juliana Rodrigues disse...

kkkkkkkkkkkkk, só tu mesmo pra dizer que viu quase um josé wilker! hehe leso!
de madrugada, tem que aproveitar as ideias, já dizia freud!
obrigada pelos elogios :D
;**