quinta-feira, 4 de março de 2010

Tem dias....


Tem dias que a gente se sente como quem partiu ou morreu, a gente estancou de repente ou foi o mundo então que cresceu, a gente quer ter voz ativa, no nosso destino mandar, mas eis que chega a roda viva e carrega o destino pra lá...
Roda mundo, roda gigante, roda moinho, roda pião, o tempo roudou num instante nas voltas do meu coração.

A roda da saia Mulata, não quer mais rodar não senhor, não posso

fazer serenate a roda de samba acabou. A gente toma a iniciativa, viola na rua a cantar, mas eis que chega a roda viva e carrega a viola pra lá...

...Ai vida rodada essa minha! O tédio me consome, os pensamentos chatos também.

Quero paz mundial e interior.

2 comentários:

PaUlO, mas pod me xamar de paulinho disse...

roda muito não...pow!!!
se naum tu vai ficar tonta.

Diego O'neal disse...

Tem dias que a labirintite ataca mesmo AHahuaaUha.