sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Metade do Estado de São Paulo.


"O ritmo do desmatamento na Amazônia disparou em agosto.
Os satélites detectaram uma devastação de 756 km², mais do que o dobro do mês anterior. Na comparação com agosto do ano passado, aumento de 228%. Os estados que mais desmataram foram o Pará e Mato Grosso, mas o tempo encoberto atrapalhou a medição no Amapá e em Roraima.
O Ministério do Meio Ambiente divulgou uma lista dos 100 maiores desmatadores da Amazônia. O Instituto Nacional de Reforma Agrária ocupa as seis primeiras posições, por causa de assentamentos rurais.
O Incra contestou a lista. Afirmou que o ministério se baseou em assentamentos antigos, mas, segundo o Ibama, o desmatamento é recente.
Empresas agropecuárias e fazendeiros também foram relacionados."


Quanto mais a gente vive mais coisa ruim a gente ver acontecer e a medida que essas coisas acontecem nosso tempo de vida daqui pra frente só diminui mais ainda, não só a natureza, mas o mundo grita por socorro e implora nossa ajuda!

Cuide do seu planeta, ele é seu!
;*

Um comentário:

Luíza C. disse...

pois é, ju. Quando a ultima árvore for derrubada, o ultimo peixe morrer, quando não restar mais nenhuma gota d'água no mundo, as pessoas vão ver que dinheiro não se come e nem se bebe.
te amo ju ;*